FANDOM


Panserbjornes.png

Panserbjornes no filme A Bússola de Ouro

Os panserbjornes ou ursos de armadura são uma espécie de ursos grandes, racionais e com polegar opositor, que habitam o arquipélago de Svalbard do mundo de Lyra.

SociedadeEditar

Iorek VS Ragnar.jpg

Iorek e Ragnar em um duelo pelo reinado de Svalbard.

Os panserbjornes têm um rei, mas que reúne os ursos apenas em épocas de guerra e dificuldades. Quando não é o caso, eles vivem isolados (exceto filhotes, que vivem com a mãe até aprender a caçar) em fortalezas de gelo. Existem também príncipes que só irão governar quando o rei morrer.

Por viverem geralmente isolados, o reino dos ursos de armadura não possui muitas leis. A única mencionada na trilogia é a que um panserbjorne não pode matar outro, ao menos sem motivo. Se o fizer, será exilado e terá a armadura confiscada. Isto é bem raro de acontecer, uma vez que os panserbjornes se rendem quando a derrota é iminente.

ArmaduraEditar

Lutas entre ursos são comuns e podem ser ocasiões de grandes rituais, como o duelo de Iorek Byrnison e Iofur Raknison. Neste sentido, a armadura é fundamental na sociedade destes ursos. Por isto, quando um urso é exilado, sua armadura é confiscada. De acordo com Iorek Byrnison, um panserbjorne considera a sua armadura a sua alma: insubstituível[1]. Durante A Luneta Âmbar, Iorek diz que os panserbjornes não possuem alma, e por este motivo não vão para o mundo dos mortos[2].

Os ursos fazem suas armaduras em suas minas de fogo. Ela é feita de ferro-celeste, um metal extremamente resistente que cai encrustado em meteoritos que caem em Svalbard. Os ursos de armadura possuem minas de fogo em Svalbard, onde ursos-ferreiros, fundem o ferro-celeste e fabricam suas armaduras.

HabilidadesEditar

Os panserbjornes são maiores, mais fortes e mais resistentes que os ursos polares. por isto conseguem correr por maiores distâncias sem se cansar. Pelo próprio modo de vida destes seres, não sentem frio e nem solidão. e também trabalham como guarda-costas para diversos interesses. Pel

Por possuírem polegar opositor, os ursos são ótimos metalúrgicos, habilidade que usam para fabricar armaduras de ferro-celeste. Além disto, são excelente guerreiros, e por isso são frequentemente contratados como guarda-costas.

Por terem um jeito de pensar diferente dos humanos, os panserbjornes não podem ser enganados. Só ocorrerá em situações em que os ursos de armadura passam a pensar como humanos, como foi o caso de Iofur.

SobrenomeEditar

A formação dos sobrenomes dos panserbjornes foi provavelmente baseada em um costume que existe na Islândia e em algum outros países do norte europeu chamado de patronímico. Neste costume, o sobrenome do(a) filho(a) é o nome do pai acrescentado do prefixo -son, se for homem, ou -dóttir, se for mulher, ambos significando filho e filha, respectivamente. Na prática, o pai de Iorek Byrnison se chamaria Byrni (ou Byrne), já que a tradução literal de Iorek Byrnison é "Iorek, filho de Byrni". O pai de Iofur Raknison chamaria-se Rakni, e assim por diante.

Ainda que esta suposição possa não ser verdadeira, ela possui algumas implicações interessantes: Iorek Byrnison e Iofur Raknison foram príncipes de Svalbard e não seriam filhos do mesmo pai, significando que o governo da sociedade dos ursos não seria hereditário como o das feiticeiras.

Lista de panserbjornes conhecidosEditar

CuriosidadesEditar

  • Tony Costa usa os ursos polares para explicar para Lyra o que são panserbjornes. Isso implica que no mundo de Lyra também existem ursos polares comuns.

GaleriaEditar

ReferênciasEditar

  1. A Bússola de Ouro capítulo 11, página 184
  2. A Luneta Âmbar capítulo 15, página 200

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória