FANDOM


Mary e os mulefas

Mary e os mulefas

Mulefas são criaturas estranhas de outro mundo que existem há cerca de trinta e três mil anos.

MorfologiaEditar

Os mulefas são criaturas conscientes como os humanos, embora apresentem uma aparência animalesca. São quadrúpedes, embora suas patas são dispostas em um losango: uma anterior, uma posterior e duas no centro do corpo. Esta configuração os classifica como invertebrados, já que não possuem uma coluna vertebral. São de cor cinza, possuem chifres na cabeça e uma tromba como a de um elefante. Eles possuem a capacidade de agarrar, com as patas da frente e de trás, nozes das árvore-das-rodas para se locomoverem como uma espécie de bicicleta.

SociedadeEditar

A sociedade dos mulefas parece ser bastante avançada para criaturas que possuem um aspecto animalesco. Eles vivem em pequenas aldeias, são onívoros e têm uma linguagem própria. Os mulefas são extremamente ligados à terra firme: não edificam construções de mais de um nível e também não entram na água. Pescam e criam rebanhos de animais de onde utilizam a carne, couro, leite e até os ossos. Além disto, possuem o conhecimento da culinária. Suas aldeias são formadas por casas e alguns armazéns de alimento e nozes. Os mulefas não utilizam metais e desconhecem a energia elétrica.

Mary descreve a sociedade dos mulefas como muito prática: Os mulefas são muito ligados às coisas do dia-a-dia com o que convivem, e possivelmente não possuem um conhecimento muito aprofundado de matemática e outras ciências teóricas.

O aspecto mais importante da sociedade dos mulefas é a simbiose mutualística com as árvores-das-rodas. Além do próprio uso das nozes como rodas, os mulefas sabem que é do óleo das nozes que vem seu conhecimento, já que ele possui uma grande quantidade de sraf.

HistóriaEditar

Os mulefas registram o início de sua história a trinta e três mil anos atrás, quando o primeiro mulefa foi incitado a colocar a noz das árvores-das-rodas em suas patas por uma serpente falante (semelhante à história de Adão e Eva).

A cerva de 300 anos atrás, os mulefas e as árvores-das-rodas vêm sofrendo com a escassez do que banhava as árvores-das-rodas e inevitavelmente os mulefas. Esta crise começou quando a Liga fabricou a faca sutil, cujas aberturas não fechadas alteravam a corrente natural do pó entre os mundos. Em resposta, os mulefas começaram a cuidar das rodas e os bosques de suas árvores com muita atenção, separam grupos para diferentes bosques, contam e recolhem cada noz encontrada e acompanham o crescimento das árvores.

Como as nozes precisam de atrito e desgaste intensos para quebrarem e liberarem as sementes, ambos os seres são beneficiados.

Indivíduos notáveisEditar

CuriosidadesEditar

  • Originalmente a palavra "mulefas" não existe: zalif é a designação em singular e mulefa a designação em plural, como Mary descobre durante A Luneta Âmbar. Entretanto, a tradução em português brasileiro opta por usar o termo "mulefas". A palavra mulefa raramente aparece na tradução de A Luneta Âmbar.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória